Opinião

EDITORIAL

ccc
O governo postiço e golpista Temer escancarou de vez sua face abjeta.

Caiu a máscara da fantasia que tentava ocultar do povo brasileiro uma máquina de corrupção, uma organização criminosa que usurpa o país e que, numa demonstração de autoritarismo que nem mesmo a ditadura civil militar ousou intentar, apontou um aparato de guerra para seu próprio povo, convocando contra este as Forças Armadas.

Mais de cento e cinquenta mil pessoas reuniram-se pacificamente em Brasília, pedindo a renúncia do golpista, eleições diretas e dando um sonoro NÃO às reformas da Previdência, Trabalhista e outras que representam perda de direitos. O que encontraram? Soldados armados até os dentes e dispostos a atacar uma manifestação pacífica, legítima e democrática.

Dezenas pessoas foram feridas. Uma deles, pelo menos, foi atingida no rosto por uma bala, disparada por arma letal, cujo emprego é absolutamente ilegal em manifestações.
Essa pessoa está em coma em um hospital, correndo risco de perder sua vida.
Além disso, a máquina de guerra dirigida pelo golpista ordenou o ataque com bombas de gás e de efeito moral disparadas incessantemente contra trabalhadoras, trabalhadores e jovens desarmados.

Um cenário só visto anteriormente nos sombrios tempos de ditadura militar.
Temer e sua quadrilha jamais tiveram qualquer condição de determinar os rumos do nosso país. Sua ofensiva contra a manifestação legítima do povo não deixa qualquer dúvida disso.

Não há argumento capaz, numa democracia, de defender por nem mais um dia que seja alguém tão envolvido em um mar de lama, corrupção escancarada e explícita e agora, também, com as mãos sujas com o sangue de manifestantes.

Como educadores, entendemos que uma sociedade melhor só pode ser construída através de diálogo e da educação, e que a violência, de qualquer tipo e sob qualquer pretexto, é a negação de ambos.

A permanência do golpista Temer à frente da nação é uma verdadeira afronta, uma provocação ao povo brasileiro. A aventura golpista, que mergulhou o país numa crise política sem precedentes, tem de ser encerrada.

A CTB Educação conclama a classe trabalhadora para, todos juntos, construirmos uma gigantesca greve geral.

Mais do que nunca, é hora de sair às ruas e gritar: Fora Temer! E Diretas Já!

CTB Educação – Educar e lutar pra valer!

Assessoria de Comunicação Social – CTB Educação

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s